Patrícia França Fã Clube

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

domingo, 8 de agosto de 2010

Patrícia França em:Teresa Batista

Imagem da Minisserie Teresa Batista















Patrícia França:Jantar em Fámilia

04/2010

1993-Quinteto Violado & Patricia França - Algaroba

Algaroba, 1993
Gravado em parceria com a atriz e cantora Patrícia França, este LP apresenta alguns poemas de Ascenço Ferreira musicados pelo Quinteto Violado. Ingredientes contemporâneos temperam a sonoridade do disco, lançado pela RGE.

Algaroba é uma frondosa árvore do Nordeste brasileiro que tem a capacidade de retirar do ar a água necessária à sua subsistência e de expelir pelas folhas o excesso, umedecendo a terra. A sua vagem e folhas são riquíssimas em proteínas, servindo de alimento ao homem e aos animais nos períodos de seca.























******************************************************************

**************************************************************

POEIRA E CANTOS:

FAIXAS:
1. Como a Natureza Gosta(Toinho Alves - Dudu Alves)
2. Algaroba(Toinho Alves - Marcelo Melo)
3. Trem de Alagoas(Toinho Alves - Marcelo Melo - Ascenço Ferreira)
Músicas Incidentais:
Maria Filó
Meu Burrinho
Aquarela do Brasil
O Trenzinho do Caipira
Frevo No 3 do Recife
4. Reisado(Toinho Alves - Marcelo Melo - Ascenço Ferreira)
5. Madalena(Isidoro)
6. Numa Sala de Reboco(Luiz Gonzaga - Zé Marcolino)
7. Te Amo Menino(Toinho Alves - Jeanine Gonsalves)
8. Menino Moleque(Dudu Alves)
9. Oropa, França e Bahia(Toinho Alves)
10. Paraíba(Luiz Gonzaga - Humberto Teixeira)
11. Anita Cruz Violeira(Toinho Alves - Marcelo Melo)
12. Upa! Neguinho(Edu Lobo - Guarnieri)
13. Cara Pintada(Toinho Alves - Dudu Alves)
14. Oriente(Gilberto Gil)
15. Olha Pro Céu(Luiz Gonzaga - José Fernandes)
16. Maringá(Joubert de Carvalho)
17. Estrada de Ferro(Dudu Alves)

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

VIVIANE SENNA REÚNE FAMOSOS PELO BEM

No Atrium do Morumbi Shopping, em São Paulo, Viviane lançou o Espaço Multimídia Instituto Ayrton Senna, parceria com a Hewlett-Packard Brasil e com o shopping.

BELEZA E TALENTO NA 8a EDICÃO DO CARAS ONE DAY GOLF



A dedicação ao trabalho também impede a atriz Patrícia França (36) de se aprofundar no golfe ou em qualquer outra atividade no momento. As gravações de Luz do Sol, da Rede Record, na qual vive Eliana, vêm ocupando seu dia-a-dia. "Quando faço novela, é só novela. Já fiz teatro junto, mas emagreci, fiquei um palito na época. Não dá para conciliar as duas coisas. A vida fica desorganizada, uma loucura. E eu ainda tenho uma filha para criar", explica ela, referindo-se a Fernanda (7), do relacionamento com o analista de sistemas Paulo Lins (36), de quem se separou em 2006. Mesmo assim, a atriz saiu do green impressionada com o esporte. "Acho o golfe muito charmoso. Me diverti com as primeiras aulas. Senti que levo jeito, mas teria que treinar muito. Também parece que o jogo deixa as pessoas mais tranqüilas. Isso é tudo o que precisamos na vida", justificou Patrícia

Fonte:caras.com.br

Patrícia França no casamento de Maria Ribeiro e Caio Blat

A atriz Patrícia França (36) mostrou seu lado romântico. "Eu sou até meio caretinha, acredito no casamento e no amor", admitiu ela, atualmente solteira. "A festa está uma delícia. A decoração é muito leve e suave, com flores desidratadas. Tudo simples, elegante e de bom gosto, como a Maria", emendou Patrícia.
Fonte>caras.com.br

ARTE COM CONSCIÊNCIA ECOLÓGICA NA ILHA

Na Ilha, Rodrigo encontrou colegas da emissora, entre eles Patrícia França (37), com o amado, Wagner Pontes (41), empresário, e Gisele Policarpo (27). "Meu irmão Gabriel também é percussionista. O mais legal é observar a criação do artista, desde a montagem do cenário com os instrumentos até os sons incríveis que saem", aplaudiu Gisele, que vive Cleo na novela Os Mutantes - Caminhos do Coração, em companhia do namorado, o arquiteto Rocini Tavares (27), com quem está há oito meses

OS CABELOS COMO ARMA DE SEDUÇÃO:Celebridades ensinam seus valiosos truques de beleza na Ilha de Caras

Quem também se mantém sempre vigilante é a atriz Patrícia França (37). "Não fico bem de cabelo curto e pronto. Dependendo do personagem, até mudo o corte, mas não é fácil. Ele é enrolado, grande e precisa de muitos cuidados", explicou ela.
Fonte:caras.com.br

Patrícia França e Marcelo Serrado: confraternização.





*********************************************
**********************************************
**********************************
*******************************************
**********************************

A passagem da agremiação animou os convidados do Camarote CARAS, como os casais José de Abreu (63) e Camila Mosquella (27), Maria Clara Gueiros (44) e André Arruda (43) e a jogadora de vôlei de praia Ana Paula (38) e Carl Henkel (40), que se casaram no dia 6. "Desfilei uma vez, em 2007. Foi indescritível. É uma vibração que bate forte no peito, mais do que estar no palco. O carnaval é um espetáculo fora do normal, que conquista qualquer pessoa", definiu Maria Clara, no elenco do programa Emergência, da Globo, com estreia em abril. Amigos de emissora, a Record, Patrícia França (38) e Marcelo Serrado (42) confratenizaram-se. Caseira após o nascimento do caçula, Gabriel, no fim de dezembro, Patrícia fez questão de ver os desfiles. "Aqui se assiste de muito perto às escolas passarem. Não há nada como sentir a batida da bateria. É um privilégio estar neste camarote", festejou ela, que foi um pouco mais cedo para casa para amamentar o filho
Fonte:caras.com.br

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Patrícia França:Festival de cinema infantil

matéria de 2008


























*********************************************************************
Fonte:ofuxico.com

Patrícia França:apresenta Gabriel



Quando Patrícia França (38) descobriu no meio do ano passado que estava grávida, seu primeiro pensamento foi: "Meu Deus, tudo de novo?!" Mas hoje em dia, a atriz, mãe de Fernanda (9), de casamento anterior, vem se deliciando com as redescobertas da maternidade após o nascimento de Gabriel, em 26 de dezembro. "Ele não foi planejado. Então, passado o susto inicial, tem sido tudo maravilhoso, com muitas alegrias e descobertas. É uma bênção ter um filho, uma renovação para a família inteira", explica ela, que vive há um ano com o pai da criança, o empresário Wagner Pontes (42), em uma casa na Barra da Tijuca, Rio. "Nossa relação ainda é muito recente. E Wagner é um homem surpreendentemente bacana. A cada dia me encanto mais com ele", desmancha-se a atriz, que contou com grande apoio familiar quando precisou voltar às gravações finais de Poder Paralelo, em janeiro, logo após o parto. "Foi punk. Mas Wagner e Fernanda foram bastante compreensivos, o que me ajudou a encarar isso muito bem", enaltece ela. O jeito com que Patrícia lida com sua rotina é motivo de elogios do marido. "Ela é fantástica e muito atenciosa, apesar de cobrar da gente o tempo todo. O que existe entre nós é cumplicidade total", explica Wagner, também pai de Bruna (11).

- Como a vinda do Gabriel afetou a relação de vocês?
Patrícia - Ele nasceu no dia em que eu Wagner completamos um ano de namoro. Foi tudo muito rápido e é claro que a gente acaba sendo posta à prova. Acho importante as pessoas saberem que há conflitos. Nossa relação tem sido conquistada de maneira muito consciente, com diálogo, amor, brincadeiras e bom humor, mas sem perder a seriedade. Nós dois demos muita sorte. Acredito que me encaixo dentro do que ele esperava. Não é fácil, mas acho que, se fosse, perderia a graça. Essas dificuldades e as novidades que chegaram com o Gabriel vieram nos fortalecer. Provavelmente se as coisas tivessem acontecido de forma suave, não teriam dado certo.
Wagner - Estamos em uma fase mais madura de nossas vidas. No passado, talvez eu não entendesse muito bem essa relação mãe e filho, a gente acaba misturando tudo e sente ciúme, acha que é falta de atenção. Mas hoje lido bem com tudo. Somos parceiros e Patricia sabe administrar bem a família.

- Ainda faz parte dos planos de vocês oficializar a relação?
Patrícia - O casamento seria em setembro, as coisas foram acontecendo e o foco terminou mudando... No momento, a gente ainda não sabe como vai resolver.

- Como a Fernanda lidou com essa mudança de rotina?
Patrícia - Falo com muita naturalidade que inicialmente pintou o ciúme. Durante nove anos, fomos apenas nós duas nessa casa. O Wagner foi sendo incorporado de forma natural, até porque sempre preparei minha filha e tive outros namoros antes. Mas o bebê chegou. Um conselho que me deram foi que a gente deve colocar a criança para participar de todas as etapas: escolher roupinhas, trazer para perto. Por exemplo, ela e a Bruna, filha do Wagner, queriam que o quarto fosse branco. Aceitamos a sugestão em homenagem a elas. Fernanda é muito maternal, me respeita, é atenciosa, quer cuidar para valer. Inclusive faz o bebê dormir como ninguém. Ela compreende que a prioridade atualmente é dele porque é pequeno e isso ajuda muito.

- Para você, qual a parte mais complicada de educar um filho?
Patrícia - Criar direito, como manda o figurino, dá trabalho. E eu sou muito exigente comigo mesma neste sentido, me cobro a questão de ser uma mãe presente, bacana, correta. É lógico que a gente não acerta sempre, mas dentro do possível tento estar atenta ao que acontece. É engraçado que às vezes me distraio com Gabriel e de repente penso: Fernanda. Aí chamo ela no quarto. Quero sempre saber como está.

- Como conciliou a volta ao trabalho com a rotina doméstica?
Patrícia - A gente é muito família, muito turminha e todos me ajudaram. Acho que tudo se baseia no diálogo. É só conversar, explicar que nesse momento a coisa está complicada, preciso que me entendam. Quando as coisas são colocadas direito, é simples. E o pessoal da produção da novela agiu com correção. Tudo o que foi combinado foi cumprido. A prioridade era minha, os horários eram feitos de acordo com minha disponibilidade. Como meu filho mamava no peito, tinha um intervalo maior para vir em casa. Não levava ele ao estúdio, são energias muito diferentes. Até a cena final da trama, um julgamento que seria realizado no centro da cidade, foi feito em locação por minha causa. Além disso, o fato de eu saber que a novela estava no fim, e não no início, me ajudou a ver tudo com mais serenidade.

- Em algum momento você sentiu culpa por deixar Gabriel tão pequeno em casa?
Patrícia - Em um determinado momento, sim. Pensava: como vou me focar aqui e desfocar ali? Mas gosto de ser posta à prova e desmistificar as coisas. Quando você tem um bebê, por mais que seja mãe de segunda viagem, acaba criando uma redoma de vidro em cima da criança. E isso foi quebrado. Eu sabia que a novela terminaria logo, o que me tranquilizou. Mas, nos primeiros dias, fiquei nervosa. Achava que gravaria cenas triviais, mas não foi assim. Decoro textos com muita facilidade, mas não foi o que aconteceu. Passei uma madrugada inteira tentando memorizar uma fala boba. Ficava ensaiando com Wagner e não saía... mas se a gente for pensar, grande parte das mulheres faz isso, trabalha e cuida do filho.
Wagner - Acho importante a mulher ter profissão, seu espaço, um objetivo e concretizar isso. Sempre que Patrícia precisa de ajuda, tem um aliado. É o que ela gosta, tenho mais é que apoiar.

- Já pensa em voltar ao trabalho ou quer mais um tempo?
Patrícia - Estou de licença e quero ficar com Gabriel. Sou contratada da Record e acredito que não vão me chamar para nada agora. No teatro, tenho um projeto lindo sobre a cantora Angela Maria, mas está parado porque o marido dela é muito difícil (risos). Tento falar com ele e não consigo, não posso levar adiante. Uma pena. Então, estou com outros planos, mas ainda no início.

- Você já voltou à forma?
Patrícia - Apesar da fome que senti no início, acho que Gabriel sugou muito. Engordei apenas sete quilos, fiquei realmente magra. Durante a gestação, só tinha barriga. Meu peso ideal é 53 quilos e agora estou com 55. Não faço dieta. É que não como muito mesmo. Faço três refeições e nada mais, não sou do tipo que fica beliscando o dia inteiro.

- Com quem Gabriel parece? Como ele é no dia a dia? Quais são as medidas atuais dele?
Patrícia - Ele é inteiramente a família do Wagner. Está pesando quase 7 quilos e mede 60 cm. Dizem que daqui a pouco as crianças vão nascer falando. É verdade. Ele é muito interativo. Adoro quando olha dentro dos meus olhos e solta aquele sorriso.

- Ainda está amamentando?
Patrícia - Sim, mas não tanto quanto eu gostaria, porque não tenho muito leite, então complemento com a mamadeira. Mas insisto, invisto no peito, porque a tendência é desistir. Dói, a gente não sabe encaixar direito na boquinha e acaba deixando para lá. A própria pediatra me falou para dar mamadeira. Sabe por quê? Mamar é muito importante, claro, mas isso gera uma pressão na mulher. Ela termina ficando nervosa e o leite não aparece. Mas, quando você relaxa, ele vem. Aos 38 anos, encaro isso de forma mais natural possível, com o segundo filho você já sabe o caminho


Fonte:caras.com.br

Astros internacionais atraem famosos

Patrícia França não poderia esta de fora!07/07/2010

A vinda de astros internacionais causou frisson também entre os famosos brasileiros, nessa terça-feira, 6. Cameron Diaz e Tom Cruise apresentaram o filme Encontro Explosivo, no Espaço Vivo Rio, no Rio de Janeiro, e quem passou por lá para conferir o burburinho da noite foram os artistas Larissa Maciel, Jonatas Faro, Danielle Winits, Latino, Mirella Santos, Monique Alfradique, Simone Soares, a jornalista Glória Maria e a estilista Lenny Niemeyer.

O médico cirurgião plástico Ivo Pitanguy também prestigiou a noite, a convite do próprio Tom Cruise. Lenny, que já viu seus biquínis sendo usados por diversas atrizes de Hollywood, como Nicole Kidman, não quis perder a chance de ver Cameron de perto. Pela tarde, a estilista revelou ter enviado algumas peças de presente à atriz por meio de um amigo em comum. "Dei uma olhada no estilo dos biquínis que ela usa e separei tudo que eu achei e mandei hoje no final do dia. Não sei se ela conhece a marca. Tomara que ela goste", contou a estilista ao Portal CARAS.

Antes de Tom e Cameron chegarem, os vips eram levados até o local especial para as fotos. Quando os astros da noite surgiram, todos pararam e não entraram para o auditório onde foi exibido o filme, ficando do lado de fora para observar e tietar um pouco: alguns até tiraram fotos com o celular. Confira a galeria de fotos do tapete vermelho!

Presentes aos astros

Cruise foi muito simpático e ficou cerca de uma hora ou mais cumprimentando os fãs e falando com a imprensa. Já Cameron aproveitou para tirar fotos com os fãs. Entre os mimos que ganhavam do público brasileiro, estava um Louro José, que Tom ganhou da equipe do programa Mais Você, da Globo. O ator também ganhou uma camiseta da seleção brasileira com a palavra 'Tomzinho', e uma vuvuzela, além de um biquíni para a mulher, a atriz Katie Holmes, que desta vez não acompanhou o marido. Depois da estrelada première, eles seguiram para um jantar no restaurante Porcão.

Fonte:caras.com.br

Patrícia França: atividades com os filhos

08/05/2010


Com a autora Ana Maria Machado como uma de suas favoritas, Patrícia França revela que adora cantar e contar histórias para os seus filhos


Como toda mamãe, a atriz Patrícia França tem suas atividades favoritas para fazer ao lado de seus filhos. Mãe de Fernanda, de nove anos, e de Gabriel, de quatro meses, ela adora cantar com os dois e contar historinhas. Mas, como cada um está em uma idade diferente, os momentos entre eles também são diferentes.

"Com o Gabriel eu gosto de passear e ficar sentada em uma poltrona que tem no quarto. Fico lá contando histórias e cantando. Também adoro dar banho. É um momento muito bonito, em que ele dá muita risada. Com a Fernanda eu gosto de estudar e ajudá-la nas tarefas da escola. Além de gostarmos de ler e ir ao cinema", contou ela ao Portal CARAS.

Outro momento de diversão entre mãe e filha é ao lado do piano. "Cantamos muito juntas. Ela faz aulas de piano e eu sento com ela para cantar algumas coisas, como Toquinho e Chico Buarque", afirmou.

Já no campo das histórias, Patrícia tem vários contos no seu repertório, mas uma autora favorita é a Ana Maria Machado. "Eu recomendo e gosto muito do estilo dela. Hoje em dia a Fernanda gosta mais de livrinhos de adolescentes. O livro favorito dela é 'As Rosas Inglesas', da Madonna", disse


Fonte:caras.com.br

2010-Mamãe Patrícia França na Sapucaí

Patrícia França deu uma passadinha no sambódromo para assistir ao desfile da Portela e correu para casa para amamentar Gabriel, de um mês e meio



















Wagner Pontes e Patrícia França
**************************************************************
***************************************
*************************************
********************************
Patrícia França fez questão de assistir a Portela, sua escola preferida diretamente da Sapucaí. No Camarote CARAS Rio 2010, a atriz conversou com o Portal CARAS e contou que mesmo se divertindo não via a hora de voltar para casa e cuidar do caçula Gabriel, de um mês e meio, fruto de seu relacionamento com o empresário Wagner Pontes. "Só vou esperar a Portela passar e vou correndo pra casa dar de mamar."

Em boa forma mesmo tendo dado à luz há pouco tempo, Patrícia garante. "O segredo para emagrecer é amamentar."


Fonte:Caras.com.br

Vivendo o seu momento mãe, Patrícia França conta como é o relacionamento com os filhos, Fernanda e Gabriel, e a rotina com duas crianças em casa












Patrícia França mãe: 'Não sou perfeita'
Vivendo o seu momento mãe, Patrícia França conta como é o relacionamento com os filhos, Fernanda e Gabriel, e a rotina com duas crianças em casa
Mãe de Fernanda, de nove anos, de casamento anterior, e de Gabriel, de quatro meses, da união com o empresário Wagner Pontes, a atriz Patrícia França está vivenciando uma nova fase em sua vida: ter duas crianças em casa. Após terminar de gravar a novela Poder Paralelo, da Record, ela está curtindo o seu momento mãe, com dedicação total aos dois filhos. "Com os filhos, a vida fica ainda mais alegre. O filho traz renovação", disse.

Criando os pequenos da melhor maneira e como o seu coração manda, Patrícia ainda tem muitos questionamentos e a cada dia tem uma nova descoberta com eles. "Aprendo sempre com eles. Eu me pergunto que educação estou dando para o meu filho? Como estou formando ele? Que pessoa ele será? Tudo isso me preocupa muito", contou em conversa com o Portal CARAS.

Confira trechos da conversa:
- Como está a vida com o Gabriel?


- Eu diria que estou me adequando. Apesar de já ter experiência com criança, é uma vivência nova na medida em que agora são dois. Eu sempre aprendo com eles. Está sendo muito rico, estou me redescobrindo com mãe. Estou mais paciente, menos tensa, mas estou curtindo mais. Estou me adequando.
- Sua filha mais velha, a Fernanda, te ajuda a cuidar do bebê?

- A Fernanda me ajuda muito. Ela é generosa, muito compreensiva, me ajuda muito com ele. Estou reconhecendo a minha filha.

- É muito corrido cuidar de duas crianças?
- Até o momento, o trabalho está sendo dobrado. A Fernanda já tem nove anos, não é a mesma coisa de quem têm gêmeos, mas ela também requer atenção. Estou ligada no que a minha filha faz, fico preocupada. Ainda não liguei o automático, um dia sei que isso vai acontecer, vai ficar tudo natural. O bacana dessa rotina é que não dá tempo para pensar, você fica ocupada o dia todo. Estou neste momento mãe, me dedicando a eles e estou muito feliz.


- Como você é como mãe? Brava? Calma? Preocupada?
- (Risos) Eu sou Brava. Eu não sou nervosa com situações difíceis da maternidade. Se há febre, eu fico calma, se caiu eu fico calma, não me desespero. Eu acho que sou é exigente, principalmente com os estudos e com a organização. Eu tento preservar a criança, tento equilibrar a obrigação com a diversão. Eu controlo a TV e quase não deixo usar o computador, tudo tem o momento certo. Às vezes pego pesado e vou fazer carinho, converso, explico tudo. Sou contra bater. A minha filha me entende com o olhar. Sou a favor de dar limites. Não sei se sou uma boa mãe. Eu tento ser, luto para ser. Estou sempre me avaliando, me questionando. Estou longe de ser perfeita.


- Você tem uma filha de 9 anos. Por ter essa diferença entre uma maternidade e outra, o que mudou?
- Começa tudo de novo quando a gente descobre que está grávida de novo. Cuidar de um filho direito, dá muito trabalho. O que muda é o corpo, que já não responde como quando era jovem. Você mistifica menos. Com o primeiro filho tudo fica enorme, com o segundo você fica mais tranquila, tem mais paciência, fica tolerante, mais calma, é uma relação mais madura.


- Você tem algum truque ou segredinho para cuidar do Gabriel?
- Uma coisa que eu recomendo é uma cadeirinha reclinável que tem um balanço, um móbile com bonequinhos e que vibra. Eles podem brincar e se distrair. Aqui em casa tem escada, não dá para ficar com o carrinho toda hora, já com essa cadeirinha dá. Esse é o nosso segredinho, dá para tirar o bebê do colo e cuidar das coisas enquanto a criança fica por perto. O Gabriel até já aprendeu a balançar sozinho! Quando ela para de balançar, ele mexe o pezinho e já balança de novo.
- Como é a sua relação com a Fernanda?


- Tento ser amiga dela, mas nunca perdendo de vista que sou mãe. Porque mãe é mãe e amiga é amiga. Tento fazer com que ela encontre confiança em mim, porque esse é o único caminho para ter o filho por perto da gente. A gente tem muito carinho uma com a outra, cumplicidade.
- O que você aprendeu com a maternidade?


- A gente aprende tanta coisa. Eu sou muito maternal, não parece, mas eu sou. O que mais aprendi foi a doação, saber se doar. Quando você é mãe isso é o que mais acontece. Você deixa de ser você e aprende a ser o outro. E tem uma responsabilidade com o mundo: criar um ser humano para a vida.

- Você teve algum momento mais emocionante como mãe?
- São tantas coisas, tantos momentos. Mas a primeira cartinha que a Fernanda me escreveu, foi especial. A Fernanda escreve bastante, deixa desenhos pela casa e bilhetinhos na minha cama. Nesta primeira cartinha tinha um coração e dizia coisas muito bonitas, eu fiquei muito emocionada.
- Você já tem planos para voltar a trabalhar?
- Pretendo voltar a trabalhar, sim. Tenho contrato com a Record e quero voltar a fazer teatro. O Gabriel já está com quatro meses, então não tem mais porque eu ficar somente em casa. Hoje em dia, a mulher divide muito bem o tempo entre ser mãe e trabalhar, já está na nossa sociedade. Mas ainda não tenho projetos definidos.




Fonte:Caras.com

domingo, 1 de agosto de 2010

Entrevista ao Cyberdiet


A atriz pernambucana Patricia França começou a carreira no teatro da escola pública em que estudava. Depois de muitos trabalhos alternativos, conseguiu seu primeiro papel de destaque na televisão, na minissérie "Teresa Batista, Cansada de Guerra", da Rede Globo

Hoje, com um currículo que inclui o filme "Orfeu" e atuando na novela "Poder Paralelo" da Record, Patricia conta em entrevista ao Cyber Diet um de seus segredos para manter a aparência sempre jovial: "Felicidade e amor fazem muito bem para a pele".


A morena exibe uma boa forma incrível, um rosto de menina e uma vontade grande de alcançar os seus objetivos.

ENTREVISTA AO CYBER DIET
Como é sua alimentação diária?Não tenho disciplina nenhuma. Como sempre nas horas erradas.

Acordo tarde e valorizo muito a primeira alimentação. Eu tomo café com leite, como uma fruta e não abro mão de iogurte. No almoço, quando não estou gravando, eu como muita salada e grelhado.

Você saiu de Pernambuco aos 19 anos. Foi difícil se acostumar com a culinária carioca?
Nossa, demais. O complicado foi acostumar a comer feijão preto. Lá em Pernambuco a gente come feijão marrom, além do tempero ser muito mais forte. Os hábitos são diferentes, mas a gente sempre acaba se adaptando. Eu adoro cuscuz, aipim , sopa... são pratos típicos de lá, né?
E você mesma prepara?
Não sei cozinhar, mas levo jeito. É que eu não me dediquei para aprender.
Você tem algum hábito alimentar?Evito manter hábitos que não são saudáveis. Eu me policio para tomar muito líquido. E também não abro mão de jantar. Eu adoro tomar sopa, principalmente de feijão.
Tem algum prato que você não resiste?Chocolates às vezes eu não consigo deixar de comer. Eu adoro doce, mas tento evitar justamente para não fazer mal a minha pele.
Já teve problemas com a balança?Não tenho tendência para engordar. Na minha gravidez, eu me achei linda gordinha. É muito louco isso, mas eu não queria emagrecer. Depois da gravidez, eu voltei rápido ao meu antigo peso, mas perdi as formas. Eu ganhei mais quadril e mais busto. Fiquei mais mulher, mais bonita e menos tímida, sabe?
Você é uma pessoa vaidosa?
Não faço questão de sair com um vestido caríssimo ou jóias e nem de desfilar um corpo malhado de biquíni. Só não abro mão do dermatologista. Eu gosto de cuidar da minha pele. Além dos cremes eu acredito que felicidade e amor fazem muito bem para a pele.
Já fez alguma cirurgia de correção estética?Nunca e nem tenho vontade. Estou feliz do jeito que estou. Hoje, aos 38 anos eu me sinto mais madura, com traços bonitos. Não pretendo mudar nada.
Por:
Luana Godoy
Agência MBPress

Fonte:cyberdiet.terra.com.br

Patrícia França: Maternidade


com jeito de menina, a atriz revela um de seus segredos para manter a aparência sempre jovial: "Felicidade e amor fazem muito bem para a pele"



"A maternidade nos deixa mais maduros. E, por que não dizer, até sexualmente falando. Eu fiquei mais mulher, mais bonita e menos tímida"

"Não faço questão de sair com um vestido caríssimo ou jóias nem de desfilar um corpo malhado de biquíni. Só não abro mão do dermatologista"


Fonte:quem.globo.com

Patrícia França "Revista Manequim"